quinta-feira, 27 de setembro de 2012

"Pedi, e dar-se-vos á" - Por que peço e não recebo?

"Pedi, e dar-se-vos á; buscai, e encontrareis; batei, e abrir-se-vos á. Pois aquele que pede, recebe; o que busca, encontra; e ao que bate, se abre" (Mt 7:7 e 8). O que você acha dessa promessa de Jesus? Você acha uma boa promessa? Por que essa promessa não se cumpre em sua vida? Jesus está garantindo que se você pedir, você vai receber; se você buscar, você vai encontrar. Mas, por que você tem pedidos que ainda não foram atendidos? Por que você busca boas coisas e ainda não encontrou? À luz desta promessa, deveríamos alcançar o que buscamos. Ou não? Muitas pessoas se apoiam nesta promessa para perseverarem em suas orações e pensam que, em algum momento, Jesus as responderá. Outros desanimam ao perceberem que a promessa de Jesus não se cumpre em sua vida. Quando oramos e não recebemos uma resposta e nos deparamos com esse texto, começamos a racionalizar o porquê de não recebermos o que estamos pedindo. Alguns dizem: "Ainda não é a hora, Deus sabe a hora certa". Outros afirmam: "Não estou pedindo de acordo com a vontade de Deus". Apesar de todas as respostas prontas que encontramos, muitos pensam não receberem o que pedem por não serem dignas, porque Deus conhece seus pecados escondidos ou porque Deus não ouve sua oração. Aqueles que nutrem estes pensamentos, aos poucos desanimam, cansam de orar. Começam a olhar ao redor e veem  pessoas alcançando bênçãos de Deus e concluem que Deus realmente não está ao seu lado. Contudo, o que Jesus estava querendo dizer com esta promessa? Ela é real? É importante entendermos que estas palavras foram pronunciadas em um contexto específico. Jesus ainda estava pregando o "Sermão da Montanha". Jesus não estava andando, calado e simplesmente se dirigiu aos discípulos e pronunciou estas palavras. Estas palavras fazem parte de um sermão. E sobre o que Jesus estava falando? Se você acompanhar na sua Bíblia, vai perceber que este sermão começa no capítulo cinco de Mateus e vai até o final do capítulo sete. Neste sermão, Jesus apresenta o ideal divino para todos nós. Após citar as "bem-aventuranças", Jesus fala sobre a importância do testemunho pessoal, da validade da lei, da pureza que Deus espera de todos os cristãos em seus relacionamentos e citou questões como assassinato, adultério, divórcio, juramentos e amor aos inimigos. Nosso Mestre falou sobre a importância da oração, sobre o reino dos céus, sobre a ansiedade, sobre os julgamentos humanos e só então pronuncia esta promessa. Tudo o que Jesus estava dizendo é elevado demais para todos os seres humanos. O padrão divino está muito mais além do que imaginamos. Então, percebendo isto, é como se Jesus fizesse uma pausa em Seu sermão e pronunciasse as palavras: "Pedi, e dar-se-vos á; buscai, e encontrareis; batei, e abrir-se-vos á. Pois aquele que pede, recebe; o que busca, encontra; e ao que bate, se abre". Jesus estava garantindo que todas as vezes que pedíssemos a Deus para vivermos de acordo com este padrão, receberíamos forças. Todas as vezes que buscássemos andar nos caminhos que Deus deixou para nós, encontraríamos um guia em nossa caminhada. Esta promessa é específica e válida. Nunca pense que Jesus não ouve sua oração. É comum ouvirmos a expressão: "Minha oração não passou do teto". Lembre-se que nenhuma oração precisa passar do teto porque Jesus sempre estará ao seu lado. Deus sempre atenderá prontamente uma oração pedindo forças para viver o cristianismo verdadeiro. Todos os outros pedidos, todas as outras necessidades que temos, Deus as atenderá à luz da nossa salvação. Se você realmente deseja estar no Céu, todos os seus pedidos serão respondidos de acordo com esse propósito. Tudo o que contribuir para nossa salvação, Deus nos dará. Tudo o que impedir nossa salvação, Deus não nos dará. "Sabemos que todas as coisas cooperam para o bem daqueles que amam a Deus, daqueles que são chamados segundo o seu propósito" (Rm 8:28). Ainda que você tenha orações aparentemente não respondidas, saiba que Deus as conhece todas e está fazendo tudo da melhor maneira para que muito em breve você esteja no Céu. Nunca desanime, busque sempre forças em Deus porque a promessa é certa, atual e verdadeira: "Pedi, e dar-se-vos á; buscai, e encontrareis; batei, e abrir-se-vos á. Pois aquele que pede, recebe; o que busca, encontra; e ao que bate, se abre".

2 comentários:

  1. Até hoje pedi sabedeoria e não a recebi. Isso é pedir mal?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Comigo acontece o mesmo,já pedi sabedoria mas nao recebi, pelo que li não é pedir mal.

      Excluir